top of page

No Youcine “Mega Tubarão 2” com Jason Statham, volta pra acabar – ou não-com o gigantesco tubarão p

O Youcine traz o filme “Mega Tubarão 2” baseado no mundo literário de Steven Alten.

O texto foi escrito por 3 pessoas: John Hoeber, Erich Hoeber e Dean Georgaristendo o cineasta Ben Wheatly como responsável pela direção.


Dessa vez, a ordem foi potencializar a dinâmica entre os personagens, pois no

primeiro filme, apesar de ter tido cenas intensas, o desenvolvimento da trama teve um

pouco de apatia, algo que não é aceitável para uma produção deste tipo.

Qual o melhor aplicativo para filmes recém-lançados? Youcine, lógico! Você

encontra nele, filmes novos de ação, romance, drama e etc...


Assim como o Youcine teve muitos problemas no passado, nós ouvimos todas as

sugestões dos usuários e continuamos melhorando o app.


Por isso, não perca tempo! Baixe o tv expreass!

Mas, agora, a velocidade e a cólera já permanecem no começo. Antes dos

créditos, temos uma visualização de uma praia em nosso planeta pré-histórico, com um

exemplo do T-Rex “deixando” o seu nome num momento de caça.


Já apresentada pelo material de divulgação, a cena curta pretende reforçar que

mesmo com toda ira do dinossauro, quem comandava essa região era os megalodontes,

espécie gigantescas de tubarões.

E é essa continuação do sucesso de bilheteria do ano de 2018, produção que

retoma boa parte das figuras ficcionais do ponto de início para mais uma caminhada de

aventura.


Mas, desta vez, não há só um tubarão pré-histórico para desafiar o protagonista

que é interpretado por Jason Statham, mas outros acompanhantes selvagens, como um

polvo gigante, numa trama que flerta com o imaginário de maneira abrangente, em

especial, com as especificidades de Jules Verne, autor do clássico Vinte Mil Léguas

Submarinas.



O que o filme traz de mais chamativo pra o público que curte este tipo de

produção?


Frente a esse primeiro ataque, percebemos pela extensão do monstro que há

momentos de muita ferocidade nos próximos segundos de aventura.

Qual o melhor streaming? Youcine, claro! Nele você encontra variedades de

filmes, séries, animes, desenhos animados!


Além de poder curtir aquele jogo de futebol ao vivo de seu time predileto!

Gostou? Então, não perca tempo! Baixe agora o app Youcine em sua Smart TV,

ou TV Box e curta!


Os efeitos visuais são comandados por uma equipe enorme, vemos cenas mais

longas com as feras marinhas aos nossos olhos, num excelente trabalho também na

direção de fotografia, feita por Harry Zambarloukos, e no design de produção, com

Chris Lowe, departamentos que colaboram demais com a criatividade na concepção da

tensão e na agilidade da narrativa.


Não existe questões erradas sobre a estética em “Megatubarão 2”, sendo os seus

diálogos, representações dramáticas e divisão de atos os erros fatais que transformam

essa caminhada de terror e aventura num filme mais banal do que ele possa parecer ser.

Harry Gregson-Williams, mais uma vez, dirige a textura percussiva eficiente,

responsável por dar o “ar” ao que enxergamos visualmente.

Um pouco mais sobre um personagem dessa grande aventura e terror em “Mega

Tubarão 2”


De maneira geral, esta continuação nos mostra os personagens sobreviventes do

antecessor em suas atuações.


Jonas, nome inspirado numa figura bíblica, continua o mesmo aventureiro de

sempre. Adora situações de perigo e trabalha em prol ao cuidado do meio ambiente,

mesmo que tais ações o coloquem em risco de vida.


Essa produção abre com uma de suas grandiosas missões, seguindo para o

próximo passo, delineando um projeto científico que demonstra a presença de um

megalodonte em cativeiro, para pesquisas.


Numa das empreitadas da corporação, o protagonista e sua equipe entram na

zona abaixo da linha abissal que separa as criaturas pré-históricas da vida marinha

habitualmente reconhecida.


O que seria uma nova caminhada de pesquisa acaba se estabelecendo como a

provocação de subtramas de corrupção e traição, culminando no escape de alguns

megalodontes para a superfície.


Segundo entrevistas e notas, há planos dos realizadores para mais uma

continuação, algo que acho razoável, pois o filme deve render o suficiente para garantir

mais inserções destas criaturas turbinadas nas telas dos cinemas.


Sem dúvidas, tubarões continuam chamando atenção e tem protagonismo no

horror, dentre outros animais aterrorizantes.



14 visualizações

Posts recentes

Ver tudo

Comentários


bottom of page